Skip to content

Mundo da Alimentação Orgânica

Os alimentos orgânicos estão se tornando cada vez mais comuns por causa dos seus benefícios a saúde e ao meio ambiente. 



Infelizmente, muitas pessoas não conseguem diferenciar os alimentos inorgânicos (normais) dos orgânicos e nem se quer sabem as vantagens de consumir uma alimentação sem agrotóxicos.



Alimento orgânico é aquele sem qualquer tipo aditivo que ponha em risco a saúde ambiental ou humana.

Mais que isso, para ser considerado como orgânico, o alimento deve ser produzido sobre as regras da agricultura orgânica ou agricultura biológica, isto é, num ambiente de produção sustentável, que contempla o uso responsável dos recursos naturais, respeitando as relações sociais e culturais.

Este sistema de produção tem como objetivo a autossustentação da propriedade agrícola ao longo prazo, a maximização dos benefícios sociais, a minimização da dependência de energias não renováveis na produção e auto valor valor nutricional.

Logo abaixo abordaremos alguns temas para ajudar as pessoas a compreenderem um pouco sobre esse assunto tão importante e tão desconhecido.

Alimentação Orgânica
Mundo da Alimentação Orgânica

O que são alimentos orgânicos

São chamados alimentos orgânicos aqueles que são plantados de maneira diferente sem contaminantes, livres de agrotóxicos e que são produzidos em solo rico.



O conceito de alimentação orgânica nada mais é que o produto final da agricultura orgânica, ou seja, que foi cultivada sem o uso de fertilizantes e pesticidas.

Em relação aos alimentos de origem animal, não possuem hormônios de crescimento, anabolizantes e outras drogas. São produzidos de maneira que respeitam o meio ambiente e visando manter a qualidade da comida orgânica.

A produção de alimentos orgânicos é feita através da agricultura sustentável, desta forma respeitando as leis da natureza.

A adubação verde, por exemplo, é uma das técnicas usadas na produção dos alimentos orgânicos preservando assim o solo e os lençóis freáticos.

A saúde do ser humano é a principal preocupação no consumo de uma alimentação orgânica.

Consequentemente o consumo de alimentos orgânicos faz com que o corpo se adapte a uma maneira mais saudável de ingerir alimentos ricos em nutrientes.

Sendo assim, reduz danos a nossa saúde e e ao mesmo tempo que reduz o impacto em nossa natureza.

De que forma são produzidos os alimentos orgânicos?

Na agricultura orgânica, por exemplo, utiliza-se apenas sistemas naturais para combater pragas e fertilizar o solo.

Mesmo com características bem semelhantes e nutricionais dos alimentos inorgânicos, os orgânicos apresentam a total vantagens por não possuírem agrotóxicos serem muito mais gostosos e saudáveis.

Carne Orgânica e ovos orgânicos

Na produção carnes e ovos, os animais são criados sem antibóticos, hormônios e anabolizantes. Ao passar dos anos consumindo esse tipo de comida com aditivos podem causar doenças nos humanos.

Por isso, as carnes e ovos orgânicos são mais adequadas.

Benefícios e Vantagens de consumir alimentos orgânicos
Benefícios e Vantagens de consumir alimentos orgânicos

Benefícios e Vantagens de consumir alimentos orgânicos

Alimentos orgânicos são mais saborosos e em sua produção não há agrotóxicos ou produtos químicos.

Alimentos orgânicos são mais nutritivos por serem produzidos em solos com adubos naturais com alto valor nutritivo. Evita problemas sérios de saúde causados pela ingestão de substâncias químicas tóxicas.

Eles podem causar em longo prazo em nosso organismo reações alérgicas, respiratórias, distúrbios hormonais, problemas neurológicos e até câncer. Protege futuras gerações de contaminação química.

Através das ações orgânicas tais como rotação de culturas, plantio consorciado, compostagem, entre outros, evita a erosão do solo o que ajuda a deixar-lo produtivo por mais tempo.

Os agrotóxicos utilizados nas plantações atravessam o solo, alcançam os lençóis d’água e poluem rios e lagos, preservando a qualidade da água.

A agricultura orgânica exclui o uso de fertilizantes, agrotóxicos ou qualquer produto químico; e tem como base de seu trabalho a preservação dos recursos naturais.

Ajuda os pequenos agricultores. Em sua maioria, a produção orgânica provém de pequenos núcleos familiares que tem na terra a sua única forma de sustento. Isso ajuda a rodar a rodar a economia e crescer as comunidades rurais.

A qualidade do produto orgânico é assegurada por um Selo de Certificação. Este Selo é fornecido pelas associações de agricultura orgânica ou por órgãos certificadores independentes, que verificam e fiscalizam a produção de alimentos orgânicos desde a sua produção até a comercialização.

  • A alimentação orgânica além de ser mais saudável traz inúmeros benefícios.
  • Os alimentos orgânicos possuem vantagens surpreendentes e que vamos descrever ao longo deste tópico.

Os benefícios de uma alimentação orgânica são fundamentais tanto para nosso corpo quanto meio ambiente. Veja!

Corretos em relação ao meio ambiente

Na produção de alimentos orgânicos não é posto nenhum tipo de componente químico.

A exposição química é evitada ao máximo e é uma alternativa super viável para quem busca uma alimentação livre de toxinas.

Mais Nutritivos

Embora a busca por prevenir doenças seja imposta á tona na produção de alimentos comuns este acontecimento determina o uso de muitos antioxidantes.

Na alimentação orgânica todas as propriedades naturais dos alimentos são preservadas e desta forma eles mantém-se mais nutritivos.

Econômico e viável

A alimentação orgânica gera um custo um pouco maior, devido aos seus inúmeros benefícios e seus cuidados na produção.

Se formos olharmos pelo lado financeiro é difícil distinguir os alimentos orgânicos e inorgânicos, pois muitos pensam apenas no que irão gastar no momento.

Entretanto quando ponderada as consequências de uma alimentação, os alimentos orgânicos passam a ter um custo benefício sensacional.

Cultivo próprio

Outra vantagem da alimentação orgânica é que ela pode ser cultivada em casa em relação as frutas e verduras.

Ou seja, a alimentação orgânica pode ser consumida e cultivada por qualquer pessoa, sem restrições.

Além disso, separamos um modo de cultivo bem bacana para você aprender como produzir alimentos orgânicos.

Leia o artigo: Como produzir Morango Orgânico através de 4 passos simples.

Quer saber quais são os 9 benefícios principais para o nosso corpo através de uma alimentação orgânica? Leia o nosso artigo.

Alimentos Orgânicos e Agrotóxicos

Alimentos Orgânicos e Agrotóxicos

Agrotóxicos são substâncias químicas (herbicidas, pesticidas, hormônios e adubos químicos) utilizadas em produtos agrícolas e pastagens, com a finalidade de alterar a composição destes e, assim, preservá-los da ação danosa de seres vivos.
Quando em excesso, o agrotóxico causa intoxicação no organismo humano. Os sintomas mais imediatos são dor de cabeça, dor de estômago, fraqueza, mal-estar e sonolência. Outros podem surgir meses ou até anos depois, e incluem paralisia e câncer.

Como Eliminar Agrotóxicos dos Alimentos Inorgânicos

Para eliminar os agrotóxicos devemos lavar frutas, verduras e hortaliças adicionando  uma colher de sopa do bicarbonato de sódio em um litro de água. Depois deixar agindo por meia hora e em seguida lavar com água.

O vinagre também pode ser utilizado para lavar e também 1 colher de água sanitária.

Segue abaixo algumas recomendações  específicas:

Morango. É um dos alimentos mais afetados pelo uso de agrotóxicos. Jamais deixe de lavá-lo na solução de bicarbonato.

Banana, laranja e batata. Não há necessidade de lavagem com bicarbonato se a casca não for consumida.

Mamão. Procure lavar o mamão imediatamente antes de abri-lo. Assim você elimina a possibilidade de que a faca entre em contato com o agrotóxico da superfície e o leve para a polpa.

Maçã. Apesar de poder ser consumida sem casca, é  ali que estão muitas das fibras que tornam esta fruta tão saudável. Então, lave-a com a solução de bicarbonato normalmente.

Cenoura. É um dos vegetais que apresentam menos resíduos de agrotóxicos. Para garantir sua segurança, utilize uma escova e água corrente para fazer a limpeza da casca.

Tomate. O ideal é sempre consumir o tomate o mais maduro possível. Quanto mais passa o tempo, mais os venenos se dissipam. Para dar adeus ao agrotóxico, você também pode descascá-lo.

Muito mais do que estar na moda é o consumo de alimento orgânico

O nosso sistema de produção de nossos alimentos está indo em direção a um caminho que não é mais  sustentável ao longo prazo, pois já está difícil de encontrar solos férteis que possamos  produzir, inclusive, para alimentos comuns, por isso  necessitamos buscar outras alternativas de cultivo de alimentos  de forma global.

Constatamos assim, que o que era tendência agora é uma necessidade real a produção de alimentos orgânicos, no qual a agricultura orgânica, o incentivo ao pequeno produtor e o cultivo caseiro são fundamentais.

Tipos de alimentos orgânicos

Saber tudo sobre alimentos orgânicos pode parecer difícil, mas depois que aprendemos é muito simples.

A alimentação orgânica é obtida de maneira natural, por isso é tão rica em vitaminas e nutrientes.

Desta forma aqueles alimentos que são cultivados de maneira especial são chamados de alimentos orgânicos.

Os alimentos orgânicos podem ser:

  • Verduras
  • Frutas
  • Sucos
  • Óleos
  • Carne
  • Vinho
  • Chocolate
  • Entre outros

Dentre os principais itens da alimentação orgânica que são produzidas no Brasil, podemos destacar os seguintes alimentos:

  • Cana
  • Soja
  • Cacau
  • Gengibre
  • Guaraná
  • Manga
  • Morango
  • Pêssego
  • Entre outros.

Os tipos de alimentação orgânica não são muito variáveis, mas podem constar em todos os seus pratos diários e fazer parte da alimentação orgânica da sua família.

Os custos da produção de alimentos orgânicos ainda são altos devido ao sistema de produção.

Desta maneira os tipos de alimentos orgânicos não são tantos em relação a outros países

tipos-de-alimentos-organicos

Comida e Refeição Saudável

Uma refeição saudável baseada em nutrientes e vitaminas é a principal responsável pelo bom funcionamento do nosso corpo.

Desta maneira, sabe-se que nosso corpo precisa das vitaminas e dos componentes suficientes para um cardápio adequado rico em benefícios.

Uma alimentação saudável pode parecer difícil. Mas mostramos anteriormente para você, como a produção de alimentos orgânicos pode te auxiliar nisso.

Avalie seus pratos, você está fazendo uma refeição saudável?

Lembre-se sempre que alimentar-se bem nem sempre é restringir alimentos, mas sim balanceá-los.

Uma alimentação saudável até mesmo uma alimentação orgânica é responsável pela prevenção e tratamento de inúmeras doenças.

Uma alimentação saudável vai além da perda de peso. Uma alimentação orgânica é exemplo disto.

Veja como é importante e fácil manter uma alimentação saudável com este Guia de Receitas Saudáveis.

Produtos Orgânicos x Produtos Naturais

O que são produtos orgânicos? Como saber se é o alimento é orgânico? E qual a melhor forma de diferenciá-lo? Vamos aprender juntos, acompanhe!

Com o intuito de informar melhor o consumidor na diferenciação de uma alimentação orgânica, precisamos lembrar que esta opção é fundamental para quem está buscando uma melhor qualidade de vida.

Existem algumas diferenças entre produtos orgânicos e produtos naturais.

Os alimentos naturais, por exemplo, como já diz o próprio nome, são aqueles que vem diretamente da natureza.

Ou seja, eles não passam por nenhum tipo de processo de industrialização, livres de aditivos alimentares que muitas vezes são usados para melhorar sabores e aspecto.

Entretanto, estes produtos não são completamente livres de aditivos químicos como adubos e fertilizantes por exemplo.

Sendo assim, grande parte dos alimentos naturais pode não ser orgânica. Compreenderam?

A alimentação orgânica é baseada no uso de alimentos livre de qualquer intervenção química.

Isto convém desde o plantio, cultivo,  colheita assim como a estocagem e o transporte que devem atender ás regras dos órgãos de certificação orgânica.

Caso algumas destas etapas fujam das regras de certificação, eles são considerados então alimentos naturais.

A prioridade de uma alimentação saudável é realmente uma forma clara da melhora na saúde e no consumo, assim como na qualidade de vida do indivíduo.

A produção de alimentos orgânicos no Brasil ainda é baixa, por isso peça sempre no seu estabelecimento preferido para auxiliar no crescimento da técnica!

Qual a importância de uma Dieta saudável

Em primeiro lugar precisamos admitir que quando falamos em dieta, ficamos um pouco desconfortáveis.

Basicamente você precisa saber que dieta saudável não quer dizer: perda de peso. Mas sim, uma qualidade de vida melhor.

Uma dieta saudável é fundamental para o bom funcionamento do nosso corpo e se for aliada a uma rotina de exercícios básicos, ainda melhor.

As frutas, verduras assim como os legumes devem ser consumidos em todas as refeições do nosso dia durante uma dieta saudável.

Uma dieta saudável traz vantagens como:

  • Melhoria no sistema imunológico
  • Maior capacidade de concentração e foco
  • Disposição para as atividades do dia a dia
  • Prevenção e tratamento de doenças
  • Bom sono
  • Combate a doenças da mente como estresse e depressão

Embora uma dieta saudável não seja prática, atualmente o mercado de alimentação saudável vem crescendo e tomando um espaço gigantesco.

Como exemplo, citamos a alimentação orgânica anteriormente.

Hoje em dia é muito mais fácil encontrarmos frutas e verduras fresquinhas no mercado, assim como opções sem açúcar de alguns produtos.

Inserir a alimentação orgânica como opção na sua dieta é muito importante.

Você sabe a diferença entre fruta orgânica e não orgânica?

A lista de alimentos orgânicos vem crescendo e muito no Brasil, principalmente relacionado a frutas e verduras.

Em primeiro lugar em relação a diferença dos produtos orgânicos e inorgânicos é a maneira de produzir.

Como já dito anteriormente, o cultivo de uma alimentação orgânica é feita sem intervenções químicas como adubos e agrotóxicos.

Entretanto, uma fruta não orgânica pode sim passar por estes processo.

O uso de adubo, do agrotóxico, de química para higienização enfim, tudo isso contribuir para que ela seja uma fruta não orgânica.

Mas como saber se um alimento é orgânico?

Primeiramente, se você cultivá-los em casa saberá disso de maneira muito mais clara.

Porém, se você quiser comprar alimentos orgânicos precisa estar atento a embalagem.

Isto porque a alimentação orgânica precisa ser identificada nos estabelecimentos de acordo com as regras das companhias orgânicas.

Quer aprender a cultivar morango orgânico? Leia o artigo: Como Produzir Morango Orgânico Através de 4 Passos Simples

Receitas deliciosas com Alimentos Orgânicos

Agora que você já entendeu tudo sobre alimentação orgânica assim como sabe diferente um alimento orgânico de um natural, que tal algumas receitas para uma alimentação mais saudável?

Lembre-se sempre de utilizar alimentos orgânicos cultivados em sua casa ou com o selo de certificação orgânica.

Quer saber mais sobre receitas e ingredientes saudáveis, você pode ser na integra no nosso artigo: Guia Receitas Fáceis para Uma Alimentação Saudável

A alimentação orgânica não é difícil, não é restritiva e é melhor.

Os alimentos orgânicos são ricos em propriedades nutritivas e fazem um bem enorme para o nosso corpo.

Sendo assim, agora que você aprendeu tudo sobre alimentação orgânica, que tal compartilhar nas suas redes sociais e mostrar para seus amigos os benefícios dos alimentos orgânicos?

Para completar, separamos um vídeo bem bacana para você entender melhor sobre a alimentação orgânica. Assista!